O nosso website utiliza cookies para lhe identificar e aprimorar a sua experiência de navegação.
Alguns cookies são necessários, outros são utilitários, analíticos ou de marketing. Ao continuar navegando, você concorda com os termos da nossa Política de Cookies.

Compressas de água ajudam a aliviar a cólica? 

Uma estratégia super usada quando a irritante dismenorreia (o nome científico das cólicas menstruais) aparece é aplicar uma compressa de água quente ou fria na região do ventre. Essa artimanha vem de muito tempo - coisa que mãe aprendeu com vó, que aprendeu com a mãe dela e assim por diante.

Mas, realmente funciona usar uma compressa de água para aliviar a cólica? A resposta para essa pergunta é: sim¹! Tanto a água quente quanto a fria podem ajudar a amenizar as cólicas¹, mas ainda não há um consenso sobre qual das duas opções é a mais eficiente. Optar por uma ou outra vai depender de cada caso e cada organismo.

Compressa de água fria

É importante ressaltar que esse tratamento mais “caseiro” das compressas de água (seja quente ou gelada) é eficiente para os casos de dismenorreia primária, que é aquela dor na região da pélvis e/ou do ventre associada à menstruação, sem ser causada por uma doença ou condição pélvica².

Na maioria dos casos, as compressas com água gelada são mais eficientes para reduzir as dores cólicas¹. Isso acontece graças às propriedades antinflamatórias do frio, que inibem a síntese de prostaglandinas - substâncias ligadas diretamente ao processo de dor causado pela cólica, que geram contração do útero. Além disso, as compressas com água gelada ajudam na liberação de endorfinas e encefalinas, substâncias que diminuem o estímulo sensorial da dor.¹

Caso você não possua uma, basta fazer uma compressa caseira, com o gelo enrolado por uma toalha. Mas, não deixe o gelo em contato direto com a pele!

Compressa de água quente

Se ao ler que o frio é mais eficiente, você saiu correndo para chamar sua mãe de mentirosa por ter lhe indicado usar água quente, é melhor ir até ela pedir desculpas. Apesar de alguns estudos indicarem que o frio é mais indicado, o tratamento com água quente é muito popular e também funciona².

As compressas de água quente possuem um efeito menos duradouro do que as feitas com água gelada, mas também reduzem as dores, o que se dá por meio de suas capacidades vasodilatadoras e de relaxamento muscular. Ao aplicar uma bolsa de água quente na região do ventre, o útero fica mais relaxado e com um fluxo sanguíneo mais tranquilo, o que diminui aquela sensação de dor e aperto causada pela cólica.

Caso uma bolsa térmica não estiver disponível, basta molhar uma toalha em água quente, torcer o excesso do líquido e deixar a toalha na região incomodada pela cólica.

Relaxar pode ser ótimo para você se distrair e desfocar das cólicas menstruais. Use os joguinhos do nosso aplicativo Sai Cólica para isso. Ele ainda é gratuito, disponível para Android e iOS! ;)

Tanto a água quente quanto a fria podem ajudar a amenizar as cólicas¹.

Referências:

1) Araújo IM, Leitão TC, Ventura PL. Estudo comparativo da eficiência do calor e frio no tratamento da dismenorreia primária [Internet]. Rev Dor. São Paulo. 2010 jul-set [acesso em 15 de Abril de 2015]. Disponível em: http://files.bvs.br/upload/S/1806-0013/2010/v11n3/a1465.pdf .

2) Rodrigues AC, Gala S, Neves A, et al. Dismenorréia em Adolescentes e Jovens Adultas [Internet]. Acta Med Port. 2011 [acesso em 15 de Abril de 2015]. Disponível em: https://www.researchgate.net/profile/Angela_Neves4/publication/268422482_DISMENORREIA_EM_ADOLESCENTES_E_JOVENS_ADULTAS_Prevalncia_factores_Associados_e_Limitaes_na_Vida_Diria/links/558525bf08aef58c039b52f8.pdf

ONDE COMPRAR ONLINE

Buscofem. ibuprofeno.
Indicações: tratamento dos sintomas de febre e dores leves e moderadas associadas a gripes e resfriados, dores de garganta, de cabeça, enxaqueca, de dente, nas costas, musculares, articulares e na região abaixo do umbigo, como cólicas menstruais. MS 1.7817.0892.

SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO.

Fev/2021.
LIQUI-GELS® é marca registrada da Catalent Brasil LTDA.

Referência Consultada: 1. Bula do produto Buscofem. 2. *Mendes GD, Mendes FD, Domingues CC, et al. Comparative bioavailability
of three ibuprofen formulations in healthy human volunteers. Int J Clin Pharmacol. 2008; 46 (6), 309 – 318.